منتديات كورابيكا

Nobre Alcorao » Português » Sorah O Austero

Português

Sorah O Austero - Verses Number 42
عَبَسَ وَتَوَلَّىٰ ( 1 ) O Austero - Ayaa 1
Tornou-se austero e voltou as costas,
أَن جَاءَهُ الْأَعْمَىٰ ( 2 ) O Austero - Ayaa 2
Quando o cego foi ter com ele.
وَمَا يُدْرِيكَ لَعَلَّهُ يَزَّكَّىٰ ( 3 ) O Austero - Ayaa 3
E quem te assegura que não poderia vir a ser agraciado,
أَوْ يَذَّكَّرُ فَتَنفَعَهُ الذِّكْرَىٰ ( 4 ) O Austero - Ayaa 4
Ou receba (admoestação) e, a lição lhe será proveitosa?
أَمَّا مَنِ اسْتَغْنَىٰ ( 5 ) O Austero - Ayaa 5
Quanto ao opulento,
فَأَنتَ لَهُ تَصَدَّىٰ ( 6 ) O Austero - Ayaa 6
Tu o atendes,
وَمَا عَلَيْكَ أَلَّا يَزَّكَّىٰ ( 7 ) O Austero - Ayaa 7
Não tens culpa se ele não crescer (em conhecimentos espirituais).
وَأَمَّا مَن جَاءَكَ يَسْعَىٰ ( 8 ) O Austero - Ayaa 8
Porém, quem a corre a ti,
وَهُوَ يَخْشَىٰ ( 9 ) O Austero - Ayaa 9
E é temente,
فَأَنتَ عَنْهُ تَلَهَّىٰ ( 10 ) O Austero - Ayaa 10
Tu o negligenciais!
كَلَّا إِنَّهَا تَذْكِرَةٌ ( 11 ) O Austero - Ayaa 11
Qual! Em verdade, (o Alcorão) é uma mensagem de advertência.
فَمَن شَاءَ ذَكَرَهُ ( 12 ) O Austero - Ayaa 12
Quem quiser, pois, que preste atenção.
فِي صُحُفٍ مُّكَرَّمَةٍ ( 13 ) O Austero - Ayaa 13
(Está registrado) em páginas honoráveis,
مَّرْفُوعَةٍ مُّطَهَّرَةٍ ( 14 ) O Austero - Ayaa 14
Exaltadas, purificadas,
بِأَيْدِي سَفَرَةٍ ( 15 ) O Austero - Ayaa 15
Por mãos de escribas,
كِرَامٍ بَرَرَةٍ ( 16 ) O Austero - Ayaa 16
Nobres e retos.
قُتِلَ الْإِنسَانُ مَا أَكْفَرَهُ ( 17 ) O Austero - Ayaa 17
Ai do homem; quão ingrato é!
مِنْ أَيِّ شَيْءٍ خَلَقَهُ ( 18 ) O Austero - Ayaa 18
De que Ele o criou?
مِن نُّطْفَةٍ خَلَقَهُ فَقَدَّرَهُ ( 19 ) O Austero - Ayaa 19
De uma gota de esperma; Ele o criou e o modelou (em seguida).
ثُمَّ السَّبِيلَ يَسَّرَهُ ( 20 ) O Austero - Ayaa 20
Então, suavizou-lhe o caminho,
ثُمَّ أَمَاتَهُ فَأَقْبَرَهُ ( 21 ) O Austero - Ayaa 21
Depois o fez morrer e o sepultou;
ثُمَّ إِذَا شَاءَ أَنشَرَهُ ( 22 ) O Austero - Ayaa 22
E, por fim, quando Lhe aprouver, ressuscitá-lo-á.
كَلَّا لَمَّا يَقْضِ مَا أَمَرَهُ ( 23 ) O Austero - Ayaa 23
Qual! O homem ainda não cumpriu o que Ele lhe ordenou.
فَلْيَنظُرِ الْإِنسَانُ إِلَىٰ طَعَامِهِ ( 24 ) O Austero - Ayaa 24
Que o homem repare, pois, em seu alimento.
أَنَّا صَبَبْنَا الْمَاءَ صَبًّا ( 25 ) O Austero - Ayaa 25
Em verdade, derramamos a água em abundância,
ثُمَّ شَقَقْنَا الْأَرْضَ شَقًّا ( 26 ) O Austero - Ayaa 26
Depois, abrimos a terra em fendas,
فَأَنبَتْنَا فِيهَا حَبًّا ( 27 ) O Austero - Ayaa 27
E fazemos nascer o grão,
وَعِنَبًا وَقَضْبًا ( 28 ) O Austero - Ayaa 28
A videira e as plantas (nutritivas),
وَزَيْتُونًا وَنَخْلًا ( 29 ) O Austero - Ayaa 29
A oliveira e a tamareira,
وَحَدَائِقَ غُلْبًا ( 30 ) O Austero - Ayaa 30
E jardins frondosos,
وَفَاكِهَةً وَأَبًّا ( 31 ) O Austero - Ayaa 31
E o fruto e a forragem,
مَّتَاعًا لَّكُمْ وَلِأَنْعَامِكُمْ ( 32 ) O Austero - Ayaa 32
Para o vosso uso e do vosso gado.
فَإِذَا جَاءَتِ الصَّاخَّةُ ( 33 ) O Austero - Ayaa 33
Porém, quando retumbar o toque ensurdecedor,
يَوْمَ يَفِرُّ الْمَرْءُ مِنْ أَخِيهِ ( 34 ) O Austero - Ayaa 34
Nesse dia, o homem fugirá do seu irmão,
وَأُمِّهِ وَأَبِيهِ ( 35 ) O Austero - Ayaa 35
Da sua mãe e do seu pai,
وَصَاحِبَتِهِ وَبَنِيهِ ( 36 ) O Austero - Ayaa 36
Da sua esposa e dos seus filhos.
لِكُلِّ امْرِئٍ مِّنْهُمْ يَوْمَئِذٍ شَأْنٌ يُغْنِيهِ ( 37 ) O Austero - Ayaa 37
Nesse dia, a cada qual bastará a preocupação consigo mesmo.
وُجُوهٌ يَوْمَئِذٍ مُّسْفِرَةٌ ( 38 ) O Austero - Ayaa 38
Nesse dia, haverá rostos resplandecentes,
ضَاحِكَةٌ مُّسْتَبْشِرَةٌ ( 39 ) O Austero - Ayaa 39
Risonhos, regozijadores.
وَوُجُوهٌ يَوْمَئِذٍ عَلَيْهَا غَبَرَةٌ ( 40 ) O Austero - Ayaa 40
E também haverá, nesse dia, rostos cobertos de pó,
تَرْهَقُهَا قَتَرَةٌ ( 41 ) O Austero - Ayaa 41
Cobertos de lugubridade.
أُولَٰئِكَ هُمُ الْكَفَرَةُ الْفَجَرَةُ ( 42 ) O Austero - Ayaa 42
Estes serão os rostos dos incrédulos, dos depravados.

Livros

  • O Profeta da MisericórdiaQuão numerosas são as guerras da mídia deflagradas para difamarem o retrato dos grandes! Quão péssimas são quando transformam os corruptos em virtuosos, os seletos em criminosos, aí vemos os meios de comunicação tendenciosos sendo trombetas que espalham seus venenos por todos os lados, abandonando a sua missão humana e vestindo o manto da humilhação e da vergonha. Esses meios tendenciosos prejudicaram a todos nós, com suas constantes acusações ao Profeta da humanidade e o mestre dos filhos de Adão. Caricaturas, livros, revistas, programas de televisão, declarações dos mais altos escalões políticos e religiosos. Sua principal função passou a ser difamar a figura de “Mohammad Ibn Abdullah” tentando atacar a sua religião, sua honra e sua conduta. São tentativas tolas que tentam atingir a maior arma que o Profeta da Islam possui, a arma da “misericórdia”. Acusam o Profeta do Islam (Deus o abençoe e lhe dê paz) na sua mais importante virtude, a virtude da misericórdia com a qual liderou o mundo. Mesmo que esse tipo de maldade não atinja o Profeta da Misericórdia, uma vez que o latido dos cães não atinge as nuvens, os muçulmanos contemporâneos não estão isentos da responsabilidade, perante Deus, Exaltado seja, além da responsabilidade perante a história humana e do Islam.

    Revisores : Ahmad Mazloum

    Source : http://www.islamhouse.com/p/332569

    Download :O Profeta da Misericórdia

  • O Profeta da MisericórdiaQuão numerosas são as guerras da mídia deflagradas para difamarem o retrato dos grandes! Quão péssimas são quando transformam os corruptos em virtuosos, os seletos em criminosos, aí vemos os meios de comunicação tendenciosos sendo trombetas que espalham seus venenos por todos os lados, abandonando a sua missão humana e vestindo o manto da humilhação e da vergonha. Esses meios tendenciosos prejudicaram a todos nós, com suas constantes acusações ao Profeta da humanidade e o mestre dos filhos de Adão. Caricaturas, livros, revistas, programas de televisão, declarações dos mais altos escalões políticos e religiosos. Sua principal função passou a ser difamar a figura de “Mohammad Ibn Abdullah” tentando atacar a sua religião, sua honra e sua conduta. São tentativas tolas que tentam atingir a maior arma que o Profeta da Islam possui, a arma da “misericórdia”. Acusam o Profeta do Islam (Deus o abençoe e lhe dê paz) na sua mais importante virtude, a virtude da misericórdia com a qual liderou o mundo. Mesmo que esse tipo de maldade não atinja o Profeta da Misericórdia, uma vez que o latido dos cães não atinge as nuvens, os muçulmanos contemporâneos não estão isentos da responsabilidade, perante Deus, Exaltado seja, além da responsabilidade perante a história humana e do Islam.

    Revisores : Ahmad Mazloum

    Source : http://www.islamhouse.com/p/332569

    Download :O Profeta da Misericórdia

  • O Profeta da MisericórdiaQuão numerosas são as guerras da mídia deflagradas para difamarem o retrato dos grandes! Quão péssimas são quando transformam os corruptos em virtuosos, os seletos em criminosos, aí vemos os meios de comunicação tendenciosos sendo trombetas que espalham seus venenos por todos os lados, abandonando a sua missão humana e vestindo o manto da humilhação e da vergonha. Esses meios tendenciosos prejudicaram a todos nós, com suas constantes acusações ao Profeta da humanidade e o mestre dos filhos de Adão. Caricaturas, livros, revistas, programas de televisão, declarações dos mais altos escalões políticos e religiosos. Sua principal função passou a ser difamar a figura de “Mohammad Ibn Abdullah” tentando atacar a sua religião, sua honra e sua conduta. São tentativas tolas que tentam atingir a maior arma que o Profeta da Islam possui, a arma da “misericórdia”. Acusam o Profeta do Islam (Deus o abençoe e lhe dê paz) na sua mais importante virtude, a virtude da misericórdia com a qual liderou o mundo. Mesmo que esse tipo de maldade não atinja o Profeta da Misericórdia, uma vez que o latido dos cães não atinge as nuvens, os muçulmanos contemporâneos não estão isentos da responsabilidade, perante Deus, Exaltado seja, além da responsabilidade perante a história humana e do Islam.

    Revisores : Ahmad Mazloum

    Source : http://www.islamhouse.com/p/332569

    Download :O Profeta da Misericórdia

  • Os Milagres Científicos no Alcorão e na Sunnah-

    Source : http://www.islamhouse.com/p/61305

    Download :Os Milagres Científicos no Alcorão e na Sunnah

  • A CRENÇA dos Seguidores do Profeta Muhammad e a tendência da maioria dos MuçulmanosDevido à importância deste tema e à diferença de opiniões sobre o assunto, gostaria de explicar brevemente o nosso credo na crença dos Sunitas (Os seguidores do Profeta Muhammad) e a maioria dos Muçulmanos (Ahl as-Sunnah wa al-Jama'ah). Este credo é a crença em Allah, Seus Anjos, Seus livros, Seus mensageiros, o Dia do Julgamento, e o destino, ainda que seja agradável ou desagradável.

    Editor : المكتب التعاوني للدعوة وتوعية الجاليات بحي الربوة بمدينة الرياض

    Source : http://www.islamhouse.com/p/150279

    Download :A CRENÇA dos Seguidores do Profeta Muhammad e a tendência da maioria dos MuçulmanosA CRENÇA dos Seguidores do Profeta Muhammad e a tendência da maioria dos Muçulmanos

Choose language

Choose Sorah

Livros

Choose tafseer

Participate

Bookmark and Share